Resenha: A Batalha do Apocalipse


A Batalha do Apocalipse




Autor:  Eduardo Sphor
Editora:  Verus
Numero de páginas: 586
Onde comprar:  Saraiva, Submarino, Siciliano.

A Batalha do Apocalipse, na minha opinião, é um livro tão grandioso e impactante quanto seu nome.  Nele, somos apresentados a Ablon — um querubim renegado.
  Milhares de anos antes, uma rebelião contra os tiranos Arcanjos rendeu a Ablon e seu grupo o exílio na terra dos homens, até o dia do juízo final. E agora, esse dia se aproxima, e o véu que separa o mundo dos homens do de todas as outras criaturas está cada vez mais fino.
  Renegado pelo orgulhoso Arcanjo Miguel, Ablon, o último dos anjos  renegados, é almejado por Lúcifer para lutar ao seu lado quando a batalha final chegar.  Mas, mesmo que houvesse sido renegado pelo céu tantos anos antes, será que Ablon optaria por lutar do lado das trevas?
  Em A Batalha do Apocalipse, Eduardo Sphor nos deixa apaixonados pela história de Ablon e Shamira, nos deixa ansiosos com seus personagens ferozes e suas batalhas épicas, e nos leva por uma narrativa frenética, deliciosa e cheia de supresa.
  Sem dúvida, será uma batalha deixar o livro antes da última página. Leia A Batalha do Apocalipse, o melhor livro de fantasia da literatura brasileira.

por Bianca


5 comentários:

Andressa Andrião 19 de janeiro de 2013 12:01  

Eu já ouvi falar super bem deste livro e também imagino que seja muito bom mesmo, mas não sei se eu gostaria de lê-lo. Ouvi vários comentários a respeito do anjo Gabril e de Lúcifer que me deixaram um pouco descontente com a estória...

Beijos
http://andressaandriao.blogspot.com.br

Brenda Andrade 25 de janeiro de 2013 09:01  

Confesso que abandonei esse livro.Achei o inicio super confuso e não quis continuar :/
Uma pena,porque pela sua resenha o livro parece muito bom ! Quem sabe eu não tente de novo haha
beijos
modiceselivros.blogspot.com

Bianca Spinola e Tuane Moura 25 de janeiro de 2013 11:59  

Realmente, o livro é muito bom, o que o deixa um pouco confuso é que Sphor intercala algumas histórias paralelas, que aconteceram antes da história que ele nos apresenta no começo do livro. Mas são trechos necessários para a compreensão, e eu acho muito bons até, e recomendo a leitura!
Quanto à questão de Lúcifer e os arcanjos, não poderia explicar melhor para não criar spoilers, mas precisamos levar em conta que o papel que desempenham na série é puramente fictício, apenas um paralelo traçado pelo autor. Apesar do desconforto que alguns podem sentir apesar disso, acho que realmente é um bom livro, e recomendo a leitura

Clari 26 de janeiro de 2013 13:00  

Amei a resenha e já ouvi falar muito nesse livro e fiquei interessada em ler :3
Bjs!!!
http://constelandoalvoradas.blogspot.com.br

BrunoCunha.com 17 de junho de 2013 14:39  

Eduardo Spohr é sem dúvida um dos melhores autores brasileiros da atualidade.
Conheci ele por um acaso, de um livro que minha mãe ganhou de presente, depois conheci o Jovem Nerd e assim conheci outros livros dele.

Também fiz uma resenha desse livro. Quem quiser, pode acessar o link: Resenha – A Batalha do Apocalipse – Eduardo Spohr

[]s!

Postar um comentário

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Template Para Blogspot